Brasil abre mercado no Peru para exportação de hemoderivados bovinos e suínos


O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio feito pelo governo do Peru, autorizando a exportação de hemoderivados bovinos e suínos do Brasil destinados à alimentação animal. Este avanço representa a terceira abertura de mercado no Peru para produtos agrícolas brasileiros em menos de seis meses.

Os hemoderivados são subprodutos da agroindústria, utilizados como ingredientes em rações para elevar o valor nutricional da dieta animal. Estes produtos têm grande importância no setor agropecuário, contribuindo para a eficiência e a qualidade da alimentação animal.

Brasil abre mercado no Peru para exportação de hemoderivados bovinos e suínosBrasil abre mercado no Peru para exportação de hemoderivados bovinos e suínos
O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio feito pelo governo do Peru. Foto: Envato

As exportações agrícolas brasileiras para o Peru têm mostrado um crescimento significativo. No último ano, ultrapassaram US$ 724 milhões, com destaque para produtos florestais, carne e soja.

No primeiro quadrimestre de 2024, as exportações para o país andino alcançaram aproximadamente US$ 208 milhões, evidenciando a robustez e a importância do mercado peruano para os produtos brasileiros.

Exportação brasileira

Desde o início do terceiro mandato do Presidente Lula, entre janeiro e maio de 2024, o Brasil já abriu 46 mercados em 27 países, totalizando 124 novos mercados em 51 países.

Estes resultados são fruto de um esforço conjunto entre o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) e o Ministério das Relações Exteriores (MRE), que têm trabalhado em parceria para expandir a presença dos produtos agrícolas brasileiros no mercado global.

Brasil abre mercado no Peru para exportação de hemoderivados bovinos e suínosBrasil abre mercado no Peru para exportação de hemoderivados bovinos e suínos
O anúncio do Peru reforça a posição do Brasil como um dos principais players no setor agropecuário global. Foto: Envato

A abertura de novos mercados e o fortalecimento das relações comerciais internacionais são pilares essenciais para o crescimento sustentável da agricultura brasileira. O governo continua empenhado em promover a qualidade e a competitividade dos produtos do país, garantindo assim a ampliação das exportações e o fortalecimento da economia nacional.

O anúncio do Peru reforça a posição do Brasil como um dos principais players no setor agropecuário global, destacando a excelência dos produtos brasileiros e a capacidade do país em atender às demandas de diferentes mercados ao redor do mundo.



Portal Agro2