Balança comercial registra déficit de US$ 413,8 milhões na segunda semana de fevereiro | Economia

0
12


A balança comercial brasileira registrou déficit de US$ 413,8 milhões na segunda semana de fevereiro, segundo dados divulgados esta quarta-feira (17) pelo Ministério da Economia. No acumulado das duas primeiras semanas de fevereiro a balança registra déficit de US$ 722,4 milhões.

O superávit é registrado quando as exportações superam as importações. Quando ocorre o contrário, é registrado déficit comercial.

Na segunda semana do mês, as exportações somaram US$ 3,945 bilhões e as importações, US$ 3,531 bilhões. Quando se considera o valor médio por dia útil, as exportações apresentaram uma queda de 8,8% em relação a fevereiro de 2020; as importações caíram 4,1%.

No acumulado do mês, as exportações registraram queda de 11,9% em relação à média por dia útil e as importações uma alta de 13,4%.

Exportações e importações

Até a segunda semana do mês, houve crescimento de 7,3% nas exportações da indústria extrativa, com destaque para minério de ferro (61,9%). Já o setor agropecuário registrou queda de 43,4% nas exportações, que seguem impactadas pela queda na venda de soja (-79,2%) e de animais vivos, não incluído pescados ou crustáceos (-56,7%). A indústria de transformação registrou uma queda de 11,7% nas exportações.

Pelo lado das importações, houve crescimento de 6% na compra de produtos agropecuários, queda de 12,8% nas importações da indústria extrativa e alta de 15,1% nas compras de produtos da indústria de transformação.

Com relação às importações, o Ministério da Economia informou que a alta foi impactada principalmente pela compra de milho, cacau, fertilizantes brutos, medicamentos e produtos farmacêuticos, adubos ou fertilizantes químicos e plataformas, embarcações e outras estruturas flutuantes.

Importações de matérias-primas e medicamentos para Saúde no Brasil chegaram a US$ 20 bi
Importações de matérias-primas e medicamentos para Saúde no Brasil chegaram a US$ 20 bi

5 min Importações de matérias-primas e medicamentos para Saúde no Brasil chegaram a US$ 20 bi

Importações de matérias-primas e medicamentos para Saúde no Brasil chegaram a US$ 20 bi

As importações de matérias-primas e medicamentos para a Saúde, no Brasil, chegaram a US$ 20 bilhões, o equivalente a mais de R$ 100 bilhões em 2020. É o que estima um levantamento da Fiocruz, divulgado com exclusividade para a GloboNews.



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui