Auxílio Emergencial: número de beneficiários já aprovados está abaixo do previsto e orçamento tem ‘sobra’ | Auxílio Emergencial

0
13


Além disso, o ministério informa que foram repassados R$ 8,9 bilhões aos aprovados na primeira parcela do auxílio. Caso não haja novos aprovados, a quantia destinada às quatro parcelas previstas somará de R$ 35,6 bilhões – valor também inferior aos R$ 44 bilhões reservados ao benefício.

Questionado pelo G1 sobre a “sobra” de R$ 8,4 bilhões, o Ministério da Cidadania diz que o Governo Federal ainda trabalha no processamento de cadastros a partir das informações mais recentes disponíveis nas bases de dados governamentais e que, no período de quatro meses do Auxílio Emergencial, são realizados reprocessamentos de dados, reanálises e contestações, processos que determinarão o valor total do desembolso.

Embora ainda não haja uma decisão do governo sobre a ampliação do número de beneficiados pelo Auxílio Emergencial, o ministério esclareceu que a MP que já está em vigor traz um artigo que permite o uso de decreto presidencial para o uso de valores remanescentes e a inclusão de novas pessoas elegíveis para o recebimento do benefício.

Na nova etapa do Auxílio Emergencial são elegíveis os trabalhadores que tinham o direito reconhecido ao benefício em dezembro do ano passado. A Dataprev analisa, entre esses beneficiários, quem se encaixa nas regras deste ano. Não foram abertas novas inscrições.



Fonte: G1