Aneel aprova redução média de 4,12% nas tarifas de energia do Amapá | Amapá

0
21


A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira (1º) uma redução média de 4,12% para as tarifas de energia da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA), a única distribuidora do estado. A nova tarifa entra em vigor de imediato.

Para os consumidores industriais, atendidos em alta tensão, a redução tarifária será de 1,65% e para os consumidores residenciais e comerciais, atendidos em baixa tensão, o desconto médio será de 5,89%. O estado do Amapá tem 207 mil unidades consumidoras.

A redução na tarifa sofreu impacto, entre outros itens, do desconto de R$ 385,1 mil, também aprovado pela agência, referente ao tempo que a subestação Macapá ficou sem funcionar. Com o desconto, a empresa Linhas de Macapá Transmissora de Energia (LMTE), responsável pela subestação Macapá, deixará de receber o pagamento a que tinha direito pela prestação do serviço durante o período em que a subestação ficou sem operar.

Após 22 dias de apagão no Amapá, distribuidora diz que energia foi retomada em 100%

Após 22 dias de apagão no Amapá, distribuidora diz que energia foi retomada em 100%

O estado enfrentou 22 dias de apagão, com quedas de energia e rodizio de fornecimento, depois que um incêndio atingiu a subestação Macapá no dia 3 de novembro.

Com o incêndio, 95% da carga de energia para o estado foi interrompida e houve blecaute completo em Macapá.

Durante a reunião da Aneel, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), apresentou um vídeo pedindo ajuda da agência para reduzir a tarifa de energia do estado.

“Estou aqui solicitando que nessa reunião os diretores possam refletir sobre a situação que vive o Amapá e solicitar aqui publicamente que nos ajudem a superar esse momento difícil, a reduzir o preço da energia elétrica dos amapaenses nessa reunião do conselho”, disse.

Após o pedido do presidente do Senador, o diretor Sandoval Feitosa afirmou que a tarifa dos consumidores do Amapá seria reduzida, mas sem “alquimia” e apenas levando em conta as regras regulatórias.

“Sem alquimia regulatória. Estamos aqui aplicando os procedimentos previstos na regulação da agência”, disse o diretor.

VÍDEOS: apagão no Amapá



Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui