Açúcar bruto atinge mínima de 2 semanas na ICE; café fecha em alta

0
6


NOVA YORK/LONDRES (Reuters) – Os contratos futuros do açúcar bruto na ICE atingiram mínimas de duas semanas nesta quinta-feira devido às preocupações com a demanda e ajustes de portfólio de investidores antes que o Federal Reserve dos Estados Unidos comece a reduzir as medidas de estímulo econômico.

Na contramão, o café terminou o dia em alta.

AÇÚCAR

* O açúcar bruto para março fechou em queda de 0,27 centavo de dólar, ou 1,4%, em 19,59 centavos de dólar por libra-peso, tendo tocado a mínima desde o fim de setembro em 19,48 centavos de dólar por libra-peso.

* “Nova York e Londres tiveram preços mais baixos no que parecia ser uma venda especulativa”, disse um corretor localizado nos Estados Unidos.

* Os especuladores estão ajustando as posições à medida que os Estados Unidos se movem para reduzir a liquidez.

* “Devemos esperar que a próxima redução do Fed fortaleça o dólar americano – um obstáculo estrutural para os futuros agrícolas – embora a recuperação do dólar possa não acontecer imediatamente”, disse a Peak Research em nota.

* O açúcar branco para dezembro caiu 1,20 dólar, ou 0,2%, em 512,90 dólares a tonelada.

CAFÉ

* O café arábica para dezembro fechou em alta de 0,6 centavo de dólar, ou 0,3%, em 2,0925 dólares por libra-peso, tendo atingido 2,1515 dólares na terça-feira, pouco antes do pico de sete anos.

* “A crescente escassez (de) contêineres e espaço para navios fez com que os custos de frete nas rotas de transporte primário aumentassem de 525% para mais de 1.000% nos últimos 18 meses”, disse um operador.

* “A velocidade com que os estoques certificados da ICE estão sendo consumidos dá uma ideia da demanda, considerando a incerteza à frente”, disse o banco de investimentos Itaú BBA em nota.

* O café robusta para novembro ganhou 2 dólares, ou 0,1%, em 2.135 dólares a tonelada.

(Reportagem de Marcelo Teixeira e Maytaal Angel)

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH9D1FU-BASEIMAGE










Fonte: Mix Vale