Ações da China sobem com dados industriais fracos alimentando expectativas de estímulo

0
11


As ações da China fecharam em alta nesta quinta-feira, já que a atividade industrial mais fraca do que o esperado em setembro elevou as esperanças de mais flexibilização da política monetária, enquanto setores pesados em energia se recuperaram após Pequim intensificar os esforços para conter temores de escassez de energia.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,7%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,9%.

No acumulado do trimestre, o índice CSI300 caiu 6,8%, maior perda desde o primeiro trimestre de 2020.

A atividade industrial da China encolheu inesperadamente em setembro, uma vez que os altos preços das matérias-primas e cortes de energia pressionaram os produtores na segunda maior economia do mundo, enquanto o setor de serviços voltou a crescer à medida que os surtos de Covid-19 perdem força.

“Entrando no quarto trimestre, esperamos que a emissão líquida de títulos do governo permaneça elevada (…) para apoiar o investimento em infraestrutura, complementada por outro corte de 50 pontos-base na taxa de compulsório, provavelmente no final de outubro, após a divulgação do PIB do terceiro trimestre”, disse o Morgan Stanley em nota.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,31%, a 29.452 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,36%, a 24.575 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,90%, a 3.568 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,67%, a 4.866 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,28%, a 3.068 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,47%, a 16.934 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,40%, a 3.086 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 1,88%, a 7.332 pontos.

tagreuters.com2021binary_LYNXMPEH8T0H3-BASEIMAGE










Fonte: Mix Vale