Suspeito de envolvimento na morte de passageiro e filho de motorista de aplicativo é preso

0
84
Agentes da Polícia Militar prenderem na tarde desta sexta-feira (20/12) um homem suspeito de envolvimento na morte de um passageiro que foi atacado por um grupo armado no momento em que ele entrava em um carro conduzido por um motorista de aplicativo, em Maricá (RJ), na noite de quarta-feira (18/12). O filho no motorista, Enzo Ferreira dos Santos, de 3 anos, que estava no carro com a mãe e o irmão, levou um tiro no peito e morreu no hospital. O pai da criança foi atingido no ombro. Já a mulher dele e o outro filho não se feriram.
A polícia localizou um dos suspeitos depois que recebeu informações sobre o paradeiro de bandidos que atuam no Condomínio Minha Casa Minha Vida de Itaipuaçu e que teriam ordenado a morte de Anderson Leonardo Fontoura Barcellos da Silva, de 36 anos, que é o passageiro que solicitou a corrida e teria aceitado fazê-la mesmo com a família do motorista no carro, segundo a polícia. O passageiro foi alvo do ataque, ainda de acordo com a polícia, pelo fato do mesmo ter executado um outro homem, que teve seu corpo encontrado no condomínio Minha Casa Minha Vida de Itaipuaçu, sem o consentimento de uma facção criminosa.
Com o suspeito que foi preso, a polícia ainda localizou e apreendeu uma carga de entorpecentes. A companheira do homem também foi detida. Ocorrência foi registrada na 76ª DP. PM apreendeu drogas durante a prisão de suspeito de envolvimento na morte de passageiro e de criança de 3 anos em Maricá, no RJ
(Fonte: Portal G1)