Setembro Amarelo – Roda de Conversa celebra o mês de combate ao suicídio

0
10


Na manhã desta sexta-feira (10) foi realizada no Cine Estação, a primeira roda de conversas para falar do mês de prevenção e combate ao suicídio. O evento foi aberto pela Secretária Municipal de Saúde, Maria Márcia Fontes Sampaio, que falou da importância da relação familiar e o envolvimento da sociedade em geral nas ações que visem cuidar daqueles que passam por dificuldades e tendem a atentar contra suas próprias vidas.

Também participaram do evento Fátima Cristina Souza, Coordenadora Geral de Políticas Pedagógicas, representando o Secretário de Educação, Elias Valadão e Evelyn Rodrigues, Chefe de Gabinete da Secretaria de Assistência Social, representando a secretária Diana Alves.

Esse foi o primeiro de 8 encontros que serão realizados ao longo do mês. O público alvo são trabalhadores da educação, agentes comunitários de saúde, assistentes sociais e psicólogos. Organizado pela Comissão Intersetorial de Prevenção à Automutilação e ao Suicídio do Município de São Pedro da Aldeia, o ciclo de conversas tem como objetivo prevenir e reduzir o número de tentativas e óbitos por suicídio em nosso município.

As conversas terão como debatedoras a Assessora Especial de Gestão da Saúde Mental, Rosemary Calazans Cypriano e a terapeuta psicanalista, Sandra Lopes da Silva Soares. “É um prazer fazer parte deste evento com um tema tão relevante, principalmente nesses tempos de pandemia, quando as pessoas estão passando por dores e lutos”, disse Sandra.

Ela destaca ainda que é “importante saber como lidar com o problema, como prevenir, como ter um olhar diferenciado e identificar sintomas e poder ajudar, além de levar o conhecimento de que depressão tem cura”.

De acordo com a OMS, 90% dos casos de suicídio são de pessoas com transtorno emocional. Rosemary destacou a importância desse tipo de conversa. “Estamos seguindo orientações do Ministério da Saúde de, pelo menos no mês de setembro, falar sobre o suicídio, envolvendo o maior número possível de profissionais da prefeitura, com objetivo de capacitar toda uma rede de cuidado”.

Em São Pedro da Aldeia, o Centro de Atenção Psicossocial Infanto Juvenil – CAPSi, atende jovens que passam por transtornos como automutilação e os profissionais que atuam nessa área devem passar por capacitação para atender a população  da melhor forma possível.

Mais sobre o Setembro Amarelo em São Pedro da Aldeia

A coordenação de Educação Preventiva da Secretaria de Educação celebrou a conscientização do Setembro Amarelo recebendo os servidores em um espaço decorado com a temática da campanha e frases de apoio. A coordenadora Maria Regina Rosa, destacou a importância do momento. “É muito importante e vale a pena a gente parar um pouquinho pra dar atenção a esta temática que ficou em tanta evidência no período da pandemia. Essa bandeira tem sido cada vez mais fortalecida por meio dos debates e cada vez mais divulgada em ambientes de trabalho, família e amigos. A vida é um bem precioso que merece ser cuidado com atenção”, disse Maria Regina.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, uma a cada cem mortes é causada pelo suicídio, o que vem intensificando campanhas para prevenção. Entre os jovens de 15 a 29 anos, foi a quarta causa de morte depois de acidentes no trânsito, tuberculose e violência interpessoal.



Fonte: Prefeitura de São Pedro da Aldeia