Programa de meditação e yoga no bairro Caravelas, em Búzios, não é restrito a hóspedes

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

O bairro Caravelas, onde fica a praia de mesmo nome, no coração da APA do Pau Brasil, com mais de 12 quilômetros de Mata Atlântica Preservada, em Búzios, é reconhecido pelas atividades holísticas e que recebe em seu centro de energia pessoas de todo o mundo, lugar calmo e propício para aproveitar o silêncio e contato com a natureza.

Os hotéis APA Brasil e Búzios Espiritualidade abriram as atividades que são proporcionadas aos hóspedes para moradores e quem mais desejar participar. As atividades são meditações e yoga de terça à domingo, e trilhas as terças, quintas e sábados. Para participar da programação é preciso agendar pelo número (22) 99836.2330 (WhatsApp), horário de atendimento de terça a domingo de 8h a 11h30 e de 16h30 a 18h30.

Às terças, acontece a Meditação Xamânica (visualização criativa para se conectar com as energias da natureza); às quartas a Meditação com Deeksha (meditação indiana com transmissão de energia); às quintas a Meditação Trivini (cânticos de mantra para energizar e alinhar os chakras) ; às sextas a Meditação Xamânica (com tambores e cantos) ; aos sábados a Meditação das Esferas ou Cidade da Luz (canalizando com o Ser da Natureza- Deva); e aos domingos é a vez da Meditação Heart Chakra (meditação em movimento). As meditações de quinta e sexta podem ter alterações. O horário é sempre às 19h.

Já a prática de Yoga acontece às 8h e às 17h. Tem também a Caminhada Mágica, um passeio pelo vilarejo, com guia, que passa pela praia, Estação de Tratamento de Esgoto, o Recanto da Deva e o Labirinto, sempre às 17h.

Para participação é cobrada uma taxa de colaboração R$ 25 para aula de yoga, R$ 20 caminhada, e as meditações é uma colaboração voluntária (valor sugerido R$ 10).

Para chegar ao Caravelas, é preciso pegar a Estrada de Búzios em direção a Cabo Frio, a RJ-102, há 6km do pórtico. Logo após deve seguir mais 1,5km por uma estrada de terra. Para auxiliar no caminho há placas sinalizando.

Descubra por que a Folha dos Lagos escreveu com credibilidade seus 30 anos de história. Assine o jornal e receba nossas edições em casa.

Fonte: Folha dos Lagos