Passageiros de ônibus são assaltados à mão armada em linha que liga Araruama a Niterói

0
63

Dois ônibus da linha Araruama x Niterói foram assaltados em Maricá, na altura do distrito de Ponta Negra. Os crimes aconteceram na manhã de segunda (18/01) e de terça-feira (19/01). Em ambos os casos, um criminoso armado embarcou na rodoviária, se passando por um passageiro, e anunciou o assalto quando o veículo passava pelo município. A 82ª Delegacia investiga os casos.

A polícia já tem as gravações de câmeras de segurança do ônibus assaltado nesta terça-feira. O veículo havia saído de Araruama às 7h30, e quando o crime aconteceu, passava pelo bairro Manoel Ribeiro, no distrito de Ponta Negra, na altura da entrada do Espraiado, km 37 da Rodovia Ernani do Amaral Peixoto.

O criminoso estava sentado em um dos últimos bancos do ônibus, e por volta de 10h ele se levantou e abordou 3 passageiros. Nas imagens é possível ver que o bandido estava armado. Por fim, ele aborda o motorista, pega tudo que consegue e desce do veículo. A ação durou cerca de dois minutos.

Um dia antes, na segunda-feira, essa mesma linha também havia sido assaltada enquanto o ônibus passava pela mesma região. Dessa vez, o caso aconteceu na altura do km 40 da Rodovia Ernani do Amaral Peixoto, às 12h40. O ônibus seguia de Araruama em direção a Niterói, mas na ocasião apenas o motorista foi abordado pelo bandido, que também estava armado. Depois do assalto, ele desembarcou e fugiu a pé, em direção a entrada de Ponta Negra.

Dezenas de pessoas embarcam diariamente nessa linha ao longo da RJ-106, já que o ônibus passa por vários distritos da região. Para quem pega essa linha com frequência, o sentimento agora é de medo. “Insegurança né, a gente fica com uma sensação de estar inseguro”, destaca o eletricista Joao Francisco dos Santos

“A gente entra dentro do ônibus, e aí você não sabe quem é quem. Mas eu venho tranquilo, pedindo a Deus que corra tudo bem. Eu já fui assaltado e é terrível, não pretendo ser de novo mas pode acontecer, não é?”, afirma Ernani Santos.

O auxiliar administrativo conta ainda que, em seis anos, é a primeira vez que ouve falar de assaltos nessa linha. “Eu peguei o ônibus em Araruama para vir aqui no Hospital dos Olhos e estava sentado na última poltrona. Quando chegou ali no posto rodoviário, o ônibus parou e o primeiro a ser revistado fui eu”.

Segundo a PM, o policiamento foi reforçado no distrito. Os dois casos estão sendo investigados pela 82ª Delegacia, em Maricá. Segundo a polícia, um terceiro assalto foi registrado na região, que segue em investigação na 78ª Delegacia.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui