Ônibus de turismo burlam regras, estacionam em São Pedro e turistas pegam táxis para Cabo Frio

0
435

Um esquema ilegal permitiu a entrada de centenas de turistas de forma irregular para o feriado de Nossa Senhora Aparecida neste sábado (10/10) em Cabo Frio. Ônibus de excursões sem autorização estacionam em São Pedro da Aldeia, cidade vizinha, e os turistas pegam táxis com placa de Cabo Frio para conseguir entrar na cidade. O feriado de 12 de outubro atrai milhares de visitantes de Minas Gerais, onde acontece a “Semana do Saco Cheio”, uma sequência de feriados ’emendados’ pelos mineiros.

A prática irregular começou a ser adotada depois que a Prefeitura de Cabo Frio limitou a entrada de excursões no município, que tem 2.712 casos confirmados de Covid-19 e 154 mortes pela doença, de acordo com o Governo do Estado. Entre 9 e 18 de outubro, somente 40 ônibus de turismo podem entrar em Cabo Frio, de acordo com decreto municipal para o combate à Covid-19.

A equipe de reportagem da Inter TV flagrou o esquema às 10h deste sábado em dois pontos de São Pedro da Aldeia nos bairros Campo Redondo e Vinhateiro, que são próximos do limite com o município de Cabo Frio. Dali, os passageiros pegam carros por aplicativo ou táxis com placa da cidade para onde estão indo para terminar a viagem. Segundo o motorista de uma das excursões, a empresa não havia conseguido a documentação para entrada em Cabo Frio a tempo, e eles encontraram “uma brecha” para não cancelar a viagem e devolver o dinheiro.

A Prefeitura de São Pedro da Aldeia informou, em um comunicado, que atua por meio de denúncias da população. “Ônibus com destino a outros municípios que, por ventura pararem em bairros aldeenses, quando denunciados, são autuados pelas Guarda Municipal e Ambiental de São Pedro da Aldeia. A denúncia pode ser feita pelo telefone 153”, informou por nota.

CABO FRIO LOTADA

Apesar do tempo fechado, do temporal da sexta-feira e da previsão de mais chuva para os próximos dias, a Praia do Forte, principal ponto turístico da cidade, ficou lotada neste sábado. Um decreto publicado na quinta-feira pela Prefeitura liberou as praias para banho até o dia 18 de outubro, e, de acordo com a Prefeitura, não é obrigatório o uso de máscaras de proteção na areia. O mesmo decreto permite a atividade de ambulantes nas praias pelo mesmo período, e donos de barracas podem ofertar até 10 guarda-sóis na areia. Da acordo com a concessionária da RJ-124, ligação entre a Região Metropolitana do estado e a Região dos Lagos, até terça-feira (13), cerca de 160 mil veículos devem passar nos dois sentidos da rodovia; o número representa o dobro do fluxo em dias ‘comuns’.

BARREIRAS SANITÁRIAS

Apesar das flexibilizações, a Prefeitura implementou uma fiscalização mais rigorosa nas barreiras sanitárias. No entanto, devido ao grande congestionamento causado pela entrada de turistas e trabalhadores na cidade, o município voltou atrás da decisão e retirou os bloqueios das estradas. Nas 24 horas de vigência das barreiras, só puderam entrar pessoas que residem, fossem proprietárias de imóveis, locatárias, trabalhassem no município ou que tivessem reserva, comprovada com documentação, em meios de hospedagens legalizados.

CASOS DE COVID-19 EM CABO FRIO

De acordo com o último boletim epidemiológico divulgado pela Prefeitura nesta sexta-feira (9), Cabo Frio tem 2.899 casos confirmados da Covid-19, com 154 óbitos causados pela doença. O município permanece na zona laranja de combate ao novo coronavírus.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para plantaodoslagos@gmail.com

©Plantão dos Lagos
Fonte: Portal G1
Fotos: divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui