Mulher é presa no Centro de Curitiba pela segunda vez em menos de 48 horas

    19

    Uma mulher de 38 anos suspeita de tráfico de drogas voltou a ser presa pelo Grupo de Pronto Emprego Operacional (GPEO) da Guarda Municipal, na manhã desta quinta-feira (4/6). Ela foi abordada próximo dos pontos de ônibus na Praça Tiradentes, quase esquina com a Rua Cândido Lopes.

    A suspeita havia sido presa pelo GPEO na última terça-feira (2/6).

    Prisão aconteceu na Praça Tiradentes (Foto: SMCS)

    Tendo recebido alvará de soltura do Poder Judiciário na quarta-feira (3/6), de acordo com informações da equipe que atendeu a ocorrência, ela voltou a praticar o crime, quase no mesmo local anterior.

    Novamente, imagens do sistema de videomonitoramento da Prefeitura foram decisivas para flagrar as ações da suspeita.

    “Ela continuou com o mesmo procedimento, conforme se observa nos vídeos desta manhã: guardava alguma coisa na boca e retirava na hora de entregar a diversas pessoas que passavam pela praça”, conta o coordenador do GPEO, supervisor Antônio Flausino.

    Ela foi conduzida à Central de Flagrantes da Polícia Civil. Desde 2014, esta é a sexta vez que a mesma mulher é encaminhada para a delegacia por suspeita de traficar drogas.

    Manhã agitada

    Além da ocorrência atendida na Praça Tiradentes, as equipes do GPEO prenderam dois foragidos da Justiça na manhã desta quinta, após abordagens a pessoas suspeitas na região central. Uma das prisões ocorreu na Rua Barão de Antonina e a outra na Praça Osório. Os dois jovens tinham 24 anos e foram encaminhados à Delegacia de Vigilância e Capturas (DVC).

    Já na Rua André de Barros, um veículo foi parado depois que o motorista fez uma arrancada brusca perto da Praça Rui Barbosa. Os guardas constataram que o condutor, de 18 anos, não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

    O veículo, um Ford Fusion com placas do estado de São Paulo, acumulava R$ 7 mil em multas e quatro licenciamentos vencidos. Foi guinchado e levado ao pátio da Superintendência de Trânsito (Setran).


    Fonte: Banda B