Mesmo na pandemia, chegada para réveillon na Região dos Lagos tem estradas cheias

0
152

O movimento nas estradas de acesso à Região dos Lagos do Rio se intensificou nesta quarta-feira (30/12), na chegada para o Réveillon. As cidades cancelaram a programação oficial da virada e têm restrições como barreiras sanitárias para tentar evitar a proliferação da Covid-19. O entroncamento da RJ-124, a Via Lagos, com a RJ-140, em São Pedro da Aldeia, tem momentos de lentidão desde a parte da manhã.

Segundo a CCR Via Lagos, que administra a RJ-124, entre o dia 30 de dezembro e 6 de janeiro, devem passar 300 mil veículos pela principal ligação entre a Região Metropolitana e a Região dos Lagos.

O dia mais movimentado deve ser a véspera do Ano Novo, quando 46 mil carros são esperados nos dois sentidos da via; o número de veículos é 3 vezes maior que em um dia comum. Na volta do Réveillon, a previsão é de 41 mil veículos, no sábado (2) e outros 54 mil, no domingo (03).

A Polícia Militar Rodoviária intensificou as fiscalizações na via e o CPROEIS, Programa Estadual de Integração na Segurança, da Polícia Militar, atua na praça de pedágio fiscalizando a evasão de pedágio – infração grave sujeita a multa que pode causar acidentes.

A CCR iniciou um esquema especial com equipes e viaturas do SOS Médico e Mecânico da Concessionária reforçadas para atender ao aumento no fluxo de veículos nesta época.

As equipes estão atuando 24 horas com as devidas medidas de higienização, intensificadas desde o início da pandemia, de acordo com a concessionária. Na praça de pedágio, policiais do 25º Batalhão de Polícia Militar da Região dos Lagos distribuem folhetos com dicas de segurança e contatos da corporação, em casos de emergência.

É recomendável que o motorista, antes de viajar, verifique as condições gerais do veículo como as lanternas e faróis, calibragem dos pneus, filtro de ar e os níveis de água e óleo do motor e também o de combustível. É importante obedecer à sinalização e os limites de velocidade da rodovia para evitar acidentes.

Informações sobre o tráfego estão disponíveis 24 horas no site da concessionária ou no Disque CCR ViaLagos (0800 7020124), que conta também com Central de Atendimento ao Deficiente Auditivo (0800 022 0130). Em caso de emergência, o motorista deve parar no acostamento, ligar o pisca-alerta e aguardar o socorro da CCR ViaLagos, que logo irá chegar. Se preferir, pode ligar para o 0800 da concessionária.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para [email protected]