Livre de lesão, Antetokounmpo lidera Milwaukee na vitória sobre o Chicago

    0
    15

    Recuperado de dores nas costas que o afastaram das quadras por dois jogos, o ala-pivô Giannis Antetokounmpo voltou a vestir a camiseta do Milwaukee Bucks, na segunda-feira (30), e ajudou sua equipe a vencer o Chicago Bulls, no ginásio do adversário, por 123 a 102, em mais uma rodada da NBA.

    Em quadra durante 27 minutos, o astro grego marcou 23 pontos e agarrou dez rebotes para garantir a 30.ª vitória (terceira consecutiva), após 35 rodadas. Os Bucks fazem a melhor campanha da Conferência Leste e da liga.

    O cestinha da partida foi o ala Khris Middleton, com 25 pontos para o time de Milwaukee, enquanto o armador Eric Bledsoe, que voltou ao time após oito jogos de ausência por causa de uma fratura na perna direita, terminou com 15 pontos, durante os 15 minutos em que esteve em ação na partida.

    Pelo lado dos Bulls, o armador Zach LaVine foi o destaque, com 19 pontos, apesar de só ter acertado sete dos 23 arremessos de quadra. O ala-pivô finlandés Lauri Markkanen e o novato armador Coby White marcaram 18 pontos cada para a equipe de Chicago, nona colocada na Conferência Leste, com 13 vitórias e 21 derrotas.

    Em Portland, com a liderança do armador espanhol Rick Rubio, o Phoenix Suns bateu os Trail Blazers por 122 a 116 e somou a 13.ª vitória, após 33 jogos. O armador Devin Booker e o ala Kelly Oubre Jr. foram os destaques dos Suns com 33 e 29 pontos, respectivamente. A equipe é a décima na Conferência Oeste.

    Rubio acertou sete dos 13 arremessos que tentou durante os 35 minutos em que esteve na quadra. Uma assistência do espanhol foi decisiva para Oubre Jr. acertar um arremesso de três pontos, a 43s8 do fim, que garantiu a vitória do quinteto de Phoenix.

    Apesar da derrota, Damian Lillard, com 33 pontos, sete assistências e cinco rebotes, foi o destaque do jogo pelo Portland, que acumula 14 derrotas e 20 vitórias, na nona colocação. O armador CJ McCollum anotou 25 pontos.

    Em Minnesota, após empate em 103 pontos no tempo normal, os Timberwolves precisaram da prorrogação para derrotar o Brooklyn Nets, por 122 a 115, com bela atuação do porto-riquenho Shabazz Napier, autor de 24 pontos, sua melhor marca na temporada.

    O armador Jarrett Culver também ajudou com 21 pontos e os Timberwolves conseguiram apenas a segunda vitória nos últimos 14 jogos. Com 12 triunfos e 20 derrotas, a equipe é a 12.ª classificada na Conferência Oeste.

    Pelo lado do time de Nova York, o armador Spencer Dinwiddie, que mais uma vez substituiu o lesionado titular Kyrie Irving, foi o cestinha (36 pontos), mas não impediram a equipe de perder o terceiro jogo seguido. Em sétimo lugar na Conferência Leste, os Nets somam 16 vitórias e 16 derrotas.

    Confira os resultados da noite de segunda-feira:

    Orlando Magic 93 x 101 Atlanta Hawks

    Washington Wizards 123 x 105 Miami Heat

    Chicago Bulls 102 x 123 Milwaukee Bucks

    Minnesota Timberwolves 122 x 115 Brooklyn Nets

    Utah Jazz 104 x 81 Detroit Pistons

    Portland Trail Blazers 116 x 122 Phoenix Suns

    Acompanhe os jogos desta terça-feira:

    Charlotte Hornets x Boston Celtics

    Indiana Pacers x Philadelphia 76ers

    Sacramento Kings x Los Angeles Clippers

    Toronto Raptors x Cleveland Cavaliers

    Houston Rockets x Denver Nuggets

    San Antonio Spurs x Golden State Warriors

    Oklahoma City Thunder x Dallas Mavericks

    *Com informações do Estadão Conteúdo


    Fonte: Jovem Pan