Justiça veta queima de fogos que custaria mais de meio milhão de reais em Araruama

0
346

Uma decisão judicial limitou os gastos da Prefeitura de Araruama com a queima de fogos que será realizada durante a festa de Réveillon. De acordo com a juíza da 1ª Vara Cível da Comarca do município, dra. Alessandra Araújo, a despesa não pode ultrapassar R$ 178 mil, cerca de três vezes menos do que o valor anunciado pela prefeita Lívia de Chiquinho.

A decisão judicial acatou uma ação popular impetrada após o custo dos fogos de artifícios ser duramente criticado na Câmara Municipal de Araruama. Vale lembrar que o valor do cachê dos artistas que irão se apresentar na festa da virada também é considerado bastante elevado, e o anúncio de que mais de meio milhão de reais seriam gastos com a queima de fogos foi a gota d’água para os parlamentares:

“A maioria das prefeituras vai gastar menos de R$ 200 mil na virada de ano. Em Araruama, a prefeita Lívia de Chiquinho queria tirar R$ 528.458,07 dos cofres públicos para fogos de artifício em um momento em que áreas como a saúde sofrem com a precariedade e necessitam de investimento” – destacou a presidente da Câmara, Penha Bernardes.

Até o fechamento dessa matéria a Prefeitura de Araruama não tinha se pronunciado sobre o assunto. Continuamos aguardando pelo plantaodoslagos@gmail.com.
(Fonte: Portal RC24H)