Joe Exotic, de ‘A Máfia dos Tigres’, é transferido de prisão com casos de coronavírus

    21

    Joe Exotic, que esteve sua trajetória narrada na série da Netflix “A Máfia dos Tigres”, foi transferido para uma prisão com instalações médicas, no Texas, após ficar 14 dias em isolamento preventivo por causa do coronavírus na Grady County Jail, em Oklahoma. As informações são do Daily Mail.

    A transferência aconteceu na quinta-feira (2) e, segundo o marido de Exotic, Dillon Passage, a prisão em que o empresário cumpre pena de 22 anos registrou casos de Covid-19. Por isso, o ex-administrador de zoológico ficou em isolamento por 14 dias. No entanto, Passage não confirmou se Joe Exotic testou positivo para o novo coronavírus.

    A série documental “A Máfia dos Tigres” narra a acensão e decadência de Exotic, hoje com 57 anos e preso desde 2019 acusado de falsificação de documentos. Criador de tigres, o empresário também responde na Justiça pela morte de cinco filhotes da espécie, além de planejar o assassinato de Carole Baskin, fundadora de outro santuário de felinos nos Estados Unidos.


    Fonte: Jovem Pan