Prefeitura de Iguaba é intimada a transferir paciente da UPA pela segunda vez em uma semana

0
380

Pela segunda vez em quinze dias, a família de Rosangela Almeida Monteiro conseguiu uma decisão judicial que obriga a Prefeitura de Iguaba Grande a fazer a transferência dela para uma unidade de saúde que tenha a capacidade de dar continuidade ao seu tratamento de saúde, mesmo que seja preciso contratar um serviço particular. A decisão pode se transformar em um pedido de prisão do Secretário de Saúde do município caso seja descumprida novamente.

O vereador Jeffinho do Gás (Solidariedade) fez uma live, na terça-feira (30/06), às dez e meia da noite, com o Marlos Andreles Monteiro Alonso, que é filho da paciente e explicou o drama que a família vice, com ela internada na UPA de Iguaba Grande, lutando pela sobrevivência em uma unidade de saúde que não tem condições de reverter o seu quadro clínico, que necessita de intervenção cirúrgica. “Minha mãe está lá internada há 15 dias com um buraco na barriga e ninguém toma nenhuma providência”, disse o Marlos

“A família entrou em contato comigo para ajudar a cobrar da Prefeitura de Iguaba Grande uma ação para salvar a vida dela, pois mesmo com uma Decisão Judicial, desde o dia 25 de junho exigindo a transferência da paciente, até agora nada foi feito. É desesperador! Preciso da sua ajuda para cobrarmos juntos uma solução da Secretaria de Saúde e prefeitura de Iguaba Grande”, pediu o vereador nas redes sociais (VEJA O VÍDEO COMPLETO ABAIXO).

Na nova decisão, emitida nessa quinta-feira (02/07), a juíza Maira Valeria Veiga de Oliveira, da Vara Única daquele município dá prazo de 24 horas para o Secretário de Saúde fazer a transferência da paciente, sob pena de remessa de peças ao MP com atribuição criminal para apurar o tipo de prevaricação, crime cometido por funcionário público quando, indevidamente, este retarda ou deixa de praticar ato de ofício, o que aconteceu com a decisão não respeitada do dia 25 de junho. Esse crime pode levar à prisão o agente público. Até o fechamento dessa matéria a Prefeitura de Iguaba Grande não havia se pronunciado sobre o assunto. Continuamos aguardando pelo plantaodoslagos@gmail.com.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para plantaodoslagos@gmail.com

©Plantão dos Lagos
Fonte: Redação / Plantão
Fotos: divulgação