Governo do Estado prorroga até 20 de outubro medidas restritivas para conter o novo coronavírus, mas libera shows

0
53

O governador em exercício do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PSC), prorrogou até 20 de outubro algumas medidas restritivas de prevenção e enfrentamento à propagação da Covid-19 no Estado. Segundo o decreto, publicado em edição extra do “Diário Oficial” desta terça-feira (06/10), continua proibido permanecer na areia das praias.

No entanto, alinhado com a Prefeitura do Rio, o texto libera “eventos e atividades culturais previamente autorizadas”, como shows, e também rodas de samba. A determinação é para que os eventos sigam os protocolos.

O decreto mantém a alteração do funcionamento de bares e restaurantes, que podem continuar atendendo o público com metade da sua capacidade de lotação, até 1h, mas com a proibição do consumo de bebidas alcoólicas em ambiente externo depois das 22h.

As regras não estavam sendo seguidas na segunda-feira (05/10), na Pedra do Sal. Centenas de pessoas estiveram no local, muitas delas sem máscaras. A Prefeitura do Rio afirma que vai apurar as denúncias de aglomeração. Seguindo a Fase 6B do Município do Rio, o estado liberou música ao vivo, mas sem pista e espaço de dança.

Ficam autorizados os serviços de consumo de bebidas alcoólicas apenas para os clientes devidamente acomodados e sentados em mesas e cadeiras nas áreas internas e externas, respeitando o distanciamento mínimo de um metro. Sistema self-service em restaurantes segue suspenso.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para [email protected]

©Plantão dos Lagos
Fonte: Portal G1
Fotos: divulgação

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui