Emanoel Fernandes: “Cabo Frio recebeu mais de R$ 41 milhões esse ano só para a educação”

407

Até agora, apenas de recursos diretos na conta da Secretaria de Educação de Cabo Frio (SEME), de repasses do Governo Federal para as contas do município referentes aos Fundos Nacionais (da Educação Básica, de Alimentação e de Transporte Escolares) a cidade já recebeu mais de R$ 41,4 milhões, de janeiro até agora. A informação foi dada pelo presidente do Diretório Municipal do Partido Social Democrático (PSD/55) em Cabo Frio, Emanoel Fernandes, essa semana em uma live no Facebook para o canal do professor Daniel Ribeiro

Emanoel Fernandes disse que, com base em dados do Portal da Transparência, a cidade recebeu cerca de 40 milhões de reais para o desenvolvimento da educação básica (FUNDEB), além de cerca de R$ 1,3 milhão para alimentação escolar (PNAE) e mais 83 mil para o transporte escolar (PNATE), sendo que essas três verbas, que são calculadas sobre o número de crianças matriculadas continuam chegando no município – inclusive a da merenda escolar – mesmo com as aulas suspensas há cerca de dois meses.

Municípios vizinhos como por exemplo Arraial do Cabo, já está entregando o segundo lote dos kits de segurança alimentar, para as famílias de todas as crianças matriculadas na rede municipal de ensino, enquanto Cabo Frio só recolheu a merenda escolar nas unidades 45 dias depois do início da quarentena. Muitos itens já haviam inclusive perdido a validade. “Como é que Cabo Frio, com uma estrutura gigantesca na SEME não consegue se organizar minimamente para que esses recursos sejam revertidos em prol de nossos estudantes e de suas famílias. Não dá pra acreditar”.

Pra completar, o município ainda demitiu cerca de três mil contratados da educação municipal, que sequer conseguiram ainda darem entrada no auxílio emergencial (e que ficaram sem os salários de abril) por conta da demora para dar baixa nos contratos. “Esses contratos são legítimos, porque essas pessoas ingressaram no serviço público através de processo seletivo, que deveria ser respeitado, afinal o dinheiro do FUNDEB continua chegando. Parece que elas não tem quem as defenda”, reclamou Emanoel Fernandes, que também é pré-candidato a vereador esse ano pelo PSD/55.

Até o fechamento dessa matéria ninguém na Prefeitura (nem na SEME) havia se pronunciado sobre as declarações do presidente municipal do PSD/55. Continuamos aguardando pelo plantaodoslagos@gmail.com.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para plantaodoslagos@gmail.com

©Plantão dos Lagos
Fonte: Redação / Plantão
Fotos: divulgação