Dia do Mico-Leão-Dourado: reserva no RJ ganha nova sede com ajuda de ONGs estrangeiras; área vai virar parque em 2020

0
50



Espaço foi inaugurado na tarde desta sexta-feira (2) em Silva Jardim. Terreno de 237 hectares foi adquirido com recursos das ONGs DOB Ecology (holandesa) e Saving Nature (norte-americana). Público poderá visitar reserva a partir de janeiro de 2020. Dia do Mico-Leão Dourado é comemorado com inauguração de nova sede de associação do RJ
Andréia Martins / Associação do Mico-Leão Dourado
O Dia do Mico-Leão Dourado, nesta sexta-feira (2), foi marcado pela inauguração da nova sede da Associação do Mico-Leão Dourado (AMLD) em Silva Jardim, no interior do Rio. O terreno, com 237 hectares, foi adquirido com recursos das ONGs estrangeiras DOB Ecology, que é holandesa, e Saving Nature, que é norte-americana.
De acordo com a associação, estimativas da década de 1970 apontavam apenas cerca de 200 micos na natureza, porém, o último censo revelou que, atualmente, mais de 3 mil exemplares da espécie vivem no que restou de Mata Atlântica no Rio de Janeiro, que é o único lugar no mundo com a ocorrência do mico-leão-dourado.
A reserva, que terá mais de um milhão de metros quadrados de mudas nativas da Mata Atlântica plantadas, será aberta ao público em janeiro de 2020, recebendo o nome de Parque do Mico-Leão Dourado.
“A gente quer que as pessoas também se apaixonem pelo mico, venham visitar e conheçam um pouco desse esforço de longo prazo para salvar o mico-leão dourado do risco de extinção”, disse o secretário executivo da ONG, Luís Paulo Ferraz.
Secretário executivo da Associação do Mico-Leão Dourado fala sobre nova sede da ONG
A inauguração na tarde desta sexta foi fechada para convidados e imprensa, e contou com palestras, artesanatos e comidas de produtores. Também houve um plantio para contribuir com o reflorestamento de área onde está sendo construído um viaduto vegetado, na BR-101, o primeiro em rodovia federal do país.
A AMLD considera a inauguração desse espaço um “avanço importante do trabalho de 27 anos que a organização desenvolve na área de ocorrência do mico-leão-dourado”, diz a ONG.
Público convidado participou de palestras na inauguração da nova sede da AMLD nesta sexta-feira (2)
Michelle Reis / Associação do Mico-Leão Dourado
Atividades ao público
No sábado, o evento será aberto ao público com caminhada, atividades para crianças e oficina de agroecologia, às 9h.
A partir das 11h, haverá entrega de uniformes do Imbaú Futebol Clube, anúncio dos vencedores do concurso de redação ‘Minha Silva Jardim Sustentável’ e inauguração da Biblioteca Luísa Pinho Sartori.
Área da nova sede da AMLD, em Silva Jardim, RJ, tem 237 hectares
Associação do Mico-Leão Dourado / Divulgação
Veja mais notícias da região no G1 Região dos Lagos.


G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui