Carro de instrutor de academia morto em assalto em Curitiba é encontrado carbonizado

    90

    O carro do instrutor de academia Jefferson Santos, de 30 anos, foi encontrado carbonizado em Campo Largo, região metropolitana de Curitiba, no último fim de semana. O jovem foi assassinado durante um assalto na última quinta-feira (4), no bairro Tatuquara, na capital, quando chegava do trabalho.

    (Foto: Reprodução Facebook)

     

    A vítima foi abordada por dois homens armados de faca e acabou morrendo. Os marginais fugiram levando o carro do instrutor. A morte causou intensa comoção, já que Jefferson era muito querido na região e não tinha problemas com ninguém.

     

    Segundo o delegado Reinaldo Zequinão, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Curitiba (DFRV), a atitude de queimar o carro pode ter sido tomada após os bandidos perceberem a gravidade do caso. “No sábado acabamos encontrando esse veículo carbonizado na cidade de Campo Largo. Como a gente trabalha na questão do latrocínio (roubo seguido de morte), acreditamos que eles preferiram se livrar das provas, para tentar se safar de um crime mais grave”, explicou.

    Denúncias que possam ajudar na investigação do caso pode ser passadas anonimamente no telefone: 08006447144.

    Mais policiamento

    Após a morte de Jefferson, moradores do Tatuquara pediram por mais policiamento na região, devido ao crescente número de casos de violência. A Polícia Militar (PM) prometeu reforçar as abordagens.


    Fonte: Banda B