Câmara Municipal de São Pedro da Aldeia homenageia o Chefe de Fiscalização do INEA

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

A vigésima sétima Sessão Ordinária do ano ocorreu nesta quinta-feira (19). A pauta da sessão contou com entrega de Moção de Aplausos, aprovação de projeto de lei e rejeição ao veto do Chefe de Executivo.

O Presidente da Câmara, o vereador Denilson Guimarães (SDD) e o vereador Isaías do Escolar (PROS) entregaram Moção de Aplausos ao Chefe de Fiscalização do Instituto Estadual do Ambiente (INEA), o Senhor Alexandre Pessanha da Mata. Atualmente, o Chefe Estadual do Ambiente realiza um papel estratégico na proteção, conservação e recuperação do patrimônio ambiental do Estado do Rio de Janeiro, desenvolvendo atividades de combate à poluição da Laguna de Araruama, entre outras.

O Projeto de Lei aprovado hoje é de autoria do Presidente da Câmara e denomina “Rua Jupyra Xavier de Souza”, a via pública localizada no bairro Retiro, neste Município. Além disso, os vereadores derrubaram, em votação no plenário, o veto do executivo municipal e aprovaram o Projeto de Lei No 030/22, que dispõe sobre o laudo médico pericial que atesta deficiências irreversíveis. A proposta é da vereadora Mislene de André (SDD) e tem o objetivo de evitar o transtorno causado às pessoas com deficiências permanentes da necessidade de renovar os laudos que atestam sua condição.

O vereador Jean Pierre (PODEMOS) usou a tribuna para solicitar informações ao Poder Executivo Municipal sobre quais bairros foram contemplados com a expansão da rede de água potável através da AGENERSA, em reunião realizada no mês de dezembro de 2021.

O Vice-Presidente da Câmara, o vereador Franklin da Escolinha (CIDADANIA), também usou a tribuna e lamentou a não realização do Desfile Cívico em comemoração aos 405 anos da cidade. O vereador pediu, ainda, apoio para a realização de evento esportivo no Bairro Porto da Aldeia.

A próxima sessão da Câmara Municipal de São Pedro da Aldeia acontecerá na terça-feira (24) às 11h.

Fonte: Jornal de Sábado