Cabo Frio amplia infraestrutura do Hospital Otime Cardoso dos Santos

0
23


Unidade aumentou em 10% a capacidade de abastecimento de gás para pacientes com a covid-19

A Prefeitura de Cabo Frio ampliou a infraestrutura do Hospital Municipal Otime Cardoso dos Santos, localizado no bairro Jardim Esperança. A unidade é referência para tratamento de pessoas diagnosticadas com a covid-19. Com a reformulação, o local passou a ter uma ala exclusiva para os pacientes com a doença, contando com 12 leitos de Unidade de Pacientes Graves (UPG) e outros seis de trauma.

O hospital passou ainda por manutenção e ampliação em toda rede de gases medicinais. Com o aumento da estrutura de armazenamento, a capacidade da produção e o consumo médio de oxigênio por leito covid-19 foi ampliado em 10%. O objetivo é garantir o abastecimento de gás e o atendimento às pessoas que precisam de internação em decorrência ao coronavírus.

“A medida oferece o suporte imediato para garantir leitos com total capacidade de oxigênio aos pacientes. Resulta, ainda, na prevenção ao agravamento da crise de abastecimento de insumos estratégicos relacionados ao armazenamento e produção de gás medicinal”, explica Felipe Fernandes, secretário de Saúde.

Outra novidade é o retorno de internação de clínica médica. A unidade passa a ter um setor exclusivo para internação por covid-19 e outro para interações clínicas. Para isso, o hospital foi dividido em duas alas totalmente separadas para não gerar fluxo dos atendimentos, disponibilizando 55% dos leitos exclusivos para pessoas com coronavírus e 45% para clínica médica.

“Hoje temos 18 leitos clínicos de enfermaria para casos não covid, e quatro leitos de trauma. Para atendimento exclusivo de pacientes com o vírus, temos seis leitos de isolamento no trauma, e 12 com suporte ventilatório. Para a ampliação, o hospital passou por reforma para implantar todas as adequações necessárias para que o atendimento da ala covid fosse totalmente separado”, explica a diretora médica do hospital, Priscila Gasparetto.

No início do ano, a Prefeitura de Cabo Frio instituiu a unidade hospitalar como referência para atendimento às pessoas diagnosticadas com a covid-19. Em março deste ano, o local passou por ampliação dos leitos, aumentando a capacidade em 50%.

De acordo com a Secretaria de Saúde, neste momento, o retorno das internações para clínica médica se deve exatamente pelo resultado positivo das ações do primeiro semestre para o enfrentamento e combate do coronavírus no município, com a queda de quase 80% nos casos de pacientes internados.

“Nós acompanhamos diariamente os quadros de internação e atendimento na média e alta complexidade do município. Nesse cenário atual, as ações para potencializar os atendimentos e obter a melhor logística de acordo com a evolução epidemiológica vão ocorrer constantemente. Além disso, seguimos em paralelo na melhoria permanente da rede pública de saúde. Uma das premissas do governo é garantir mais qualidade para saúde do cabo-friense”, conclui Felipe.



Fonte: Prefeitura Municipal de Cabo Frio