Atividades presenciais escolas públicas seguem suspensas em Maricá enquanto profissionais da educação são vacinados | Região dos Lagos

0
14


O retorno das aulas presenciais nas redes municipal e estadual de Maricá foi suspenso. As atividades retornariam nesta segunda-feira (7), mas foram adiadas, e vão continuar acontecendo de forma on-line pelo menos até o dia 11 de junho.

De acordo com a Secretaria de Educação, o objetivo do adiamento é proteger funcionários e alunos até que todos os profissionais estejam vacinados. Segundo o novo calendário de vacinação, até a próxima sexta-feira (11) todos os profissionais da educação que tenham mais de 18 anos devem ser vacinados.

Nesta segunda-feira (7), a vacinação é destinada a trabalhadores que têm de 39 a 41 anos de idade ou mais.

Na terça-feira (8), profissionais de 36 a 38 anos. Já na quarta (9), se vacinam os trabalhadores que têm de 33 a 35 anos.

Na quinta-feira (10), é a vez de quem tem 29 a 32 anos de idade. Os profissionais que têm de 18 a 28 anos de idade serão vacinados na sexta-feira (11).

A vacinação deste público acontece em duas escolas municipais: Escola Municipalizada de Inoã, que fica no quilômetro 17 da Rodovia Amaral Peixoto, e na CEPT Professora Zilca Lopes de Fontoura, na Rua Barão de Inoã, nº 137, no Centro.

É necessário levar um documento de identidade, CPF e cartão do SUS, além de um contracheque que comprove o local de trabalho e cargo.

Calendário de Vacinação em Maricá

Além de profissionais da educação, o atual calendário também prevê a vacinação de pessoas em situação de rua. Este público será vacinado na quarta (9), na quinta (10) e na sexta-feira (11) pela equipe do Consultório na Rua (CnaR) e também em abrigos da cidade. Serão imunizadas as pessoas que têm mais de 18 anos de idade.

Trabalhadores do transporte aéreo do Aeroporto Municipal também serão imunizados ao longo da semana. A vacinação vai acontecer no estacionamento do Aeroporto de segunda (7) até sábado (12). É preciso apresentar um documento de identidade, CPF e cartão do SUS, além de um contracheque que comprove o local de trabalho e cargo ou a identidade funcional.

Pessoas com comorbidades e com deficiência também se vacinam nesta semana. Segunda-feira (7), as pessoas que têm 40 e 41 anos. Terça-feira (8) é a vez de quem tem 38 e 39 anos. Na quarta (9), 36 e 37 anos. Na quinta-feira (10), pessoas com 34 e 35 anos. Na sexta (11), 32 e 33 anos. No sábado haverá repescagem para todas essas idades, exclusivamente no estacionamento do Aeroporto, em Araçatiba e também na Subprefeitura, em Itaipuaçu. É necessário apresentar um laudo, exame ou receita que comprove a comorbidade. Para este público, a vacinação acontece nas USF Central, Marinelândia, Chácara de Inoã, Jardim Atlântico e também nos dois pontos de vacinação a drive-thru, no Aeroporto e na Subprefeitura em Itaipuaçu.

Entre os dias 14 e 19 de junho, a vacinação alcança pessoas com síndrome de down e doentes renais crônicos que têm acima de 18 anos de idade.

A partir do dia 21 de junho, a previsão é de que a vacinação chegue a pessoas sem comorbidades, começando por quem tem a partir de 59 anos de idade.

Quem tomou a primeira dose de Coronavac precisa agendar a segunda dose na Unidade de Saúde da Família mais próxima. Para quem se vacinou com a Astrazeneca, está mantido o agendamento feito na aplicação da primeira dose.



Fonte: G1