Após seis dias, mulher desaparecida na Zona Oeste do Rio é encontrada em Búzios

0
334

Após seis dias de angústia e intensas buscas de familiares e amigos, a dona de casa Gisele Fátima de Oliveira Tavares, de 31 anos, foi encontrada, na noite de segunda-feira, por um casal, em Búzios, na Região dos Lagos. Aparentemente vítima de um surto psicótico, Gisele estava suja e desorientada.

Ela foi reconhecida e abordada pelo casal, que havia acompanhado o caso pelas redes sociais e matéria publicada no DIA Online. Gisele usava vestido azul e chinelos. A mesma roupa que saiu de casa, no último dia 20 de janeiro, quando informou à família que iria apenas comprar um shampoo, mas não retornou. O desaparecimento ocorreu no bairro Pechincha, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Após a abordagem, o casal conseguiu fazer contato com familiares, que comunicaram à polícia. Gisele foi resgatada pela família e trazida de volta para casa, onde foi medicada e passará por tratamento psicológico. Aliviados e felizes com o reencontro, familiares agradeceram a todos que ajudaram nas buscas e na mobilização das redes sociais.

“Graças a Deus, o desaparecimento da Gisele teve um desfecho feliz. Estamos aliviados e gratos a todos que, de alguma forma, contribuíram para encontrarmos a minha prima. Infelizmente, estamos num mundo de muita violência. Nunca temos certeza se voltaremos quando saímos de casa. Agora é cuidarmos dela e ajudá-la retomar à vida”, disse, aliviada, a universitária Paola Tavares Vergette, de 19 anos.

INVESTIGAÇÕES – As circunstâncias e motivação do desaparecimento de Gisele Fátima estão sendo investigadas pela da Delegacia de descobertas de Paradeiros (DDPA). A despeito do fim das buscas, conforme informou a família, os policiais ouvirão testemunhas e aguardarão o restabelecimento da vítima para finalizarem as investigações sobre o caso.

Todas as nossas reportagens estão em constante atualização. Quem entender (pessoas físicas, jurídicas ou instituições) que tem o direito de resposta acerca de quaisquer de nossas publicações, por ter sido citado ou relacionado a qualquer tema, pode enviar e-mail a qualquer momento para [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui