SUV Journey está de volta, mas ele é um falso Dodge

0
41


Depois de alguns teasers, a Dodge finalmente revelou o seu novo SUV. Trazendo de volta o nome Journey à tona, o modelo na realidade nem um Dodge de verdade é. Trata-se de um GAC Trumpchi GS5 com dianteira modificada pela Stellantis para tentar disfarçar sua origem.

As mudanças, na realidade, são ainda mais sutis do que poderiam ser. As únicas mudanças feitas pela Dodge foram na grade frontal. Ela troca os cromados típicos dos modelos da GAC Trumpchi por elementos pretos e desenho central parecido com o do Challenger Hellcat.

Fora isso, o novo Dodge Journey 2022 terá apenas mudanças de logotipos em relação ao SUV chinês em que se baseia. Por falar nisso, a produção em massa do modelo teve início em 10 de setembro e começa agora a ser exportada para o México, primeiro país a recebe-lo.

Dodge Journey 2022 [divulgação]
Dodge Journey 2022 [divulgação]

A estratégia da GAC em parceria com a Stellantis é vender o novo Dodge Journey em 26 países diferentes. Isso faz parte do processo de internacionalização do grupo GAC, que vê no México uma boa base para iniciar suas operações além da China. Vale lembrar que a marca já apresentou carros nos EUA, mas desistiu dos planos há alguns anos.

Journey turbo, mas sem lugares extras

Na China, o GAC Trumpchi GS5, modelo no qual o novo Journey se baseia, tem motor 1.5 quatro cilindros turbo com dois acertos de potência: 152 cv e 169 cv. A transmissão pode ser manual de cinco marchas ou automática do tipo tradicional com seis velocidades.

Diferentemente do verdadeiro Dodge Journey, o novo modelo chinês a ser vendido no México não carrega sete pessoas. São 4,69 m de comprimento, 1,88 m de largura e 1,70 m de altura. Comparado ao Journey vendido no Brasil, o novo modelo é 19 cm mais curto, 5 cm mais largo e 1 cm mais alto.

>>Peugeot, Dodge e Alfa Romeo terão equivalente ao Compass em 2022

>>Dodge promete para 2024 muscle-car elétrico. Mas como sem um V8?

>>Jeep Compass Longitude turbo é o sonho da classe média | Avaliação



Fonte: Revista Carro