Motoristas já podem vender carros pelo app Carteira Digital de Trânsito

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Os proprietários de veículos dos Estados de Mato Grosso e Sergipe, a partir de agora, já podem vender os seus veículos por meio do aplicativo Carteira Digital de Trânsito.

A transação é 100% digital e ocorre entre pessoas físicas pela assinatura digital do gov.br e biometria facial, sem necessidade de reconhecer firma ou contrato em papel.

Com a adesão dos departamentos de trânsito de Mato Grosso e Sergipe, chegou a dez o número de unidades da Federação que oferecem a funcionalidade para os donos de veículos.

Os outros são: Acre, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Roraima.

+ CNH: maio é o último mês para grupo renovar habilitação vencida; veja
+ IPVA SP 2022: 4ª parcela começa a vencer semana que vem
+ Saiba tudo sobre o licenciamento de veículos em SP, como datas e preço

Como funciona?

Com a venda digital, a assinatura da Autorização para Transferência de Propriedade de Veículos (ATPV-e) ocorre por meio do aplicativo CDT, disponível nas plataformas App Store e Google Play, após autorização do Detran de registro do veículo.

Concluída a transação, o automóvel precisa passar pela vistoria da autoridade local de trânsito.

A funcionalidade está disponível para proprietários e futuros proprietários de veículos com documentos emitidos a partir de 4 de janeiro de 2021, data em que o antigo Documento Único de Transferência (DUT) foi substituído pela versão digital, a ATPV-e.

Para que os proprietários possam usar a venda digital, os Detrans estaduais precisam aderir ao sistema, afirma o Ministério da Infraestrutura.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Gasolina pode ficar 12% mais cara com novo reajuste da Petrobras
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe
+ Tiggo 8 ganha edição limitada em homenagem ao fundador da Caoa
+ Nova CNH passa a valer em junho; tire suas dúvidas
+ Cartão de estacionamento para idoso: veja como pedir e quem tem direito
+ Teste Rápido: Renault Kwid elétrico, o mais barato do Brasil, é ágil e não precisa de carregador especial
+ Veja quais são as motocicletas de luxo mais buscadas e vendidas online
+ Carro por assinatura vale a pena? Confira um guia completo com preços, vantagens e desvantagens
+ Avaliação: domando os 1.904 cv do Pininfarina Battista, carro elétrico com 0-100 em menos de 2 segundos





Fonte: Motor Show