Moto, scooter ou motoneta. Qual será a sua primeira moto? Compre e seja feliz – MinutoMotor

0
21


Em tempos de pandemia, os veículos de duas rodas ganharam – felizmente – a devida atenção, já que poderiam resolver problemas com muita agilidade. Seja entregar um documento, um lanche ou um remédio. Muitas pessoas que perderam o emprego formal se aventuraram a rodar em duas rodas. Mais qual a melhor opção: motoneta, scooter ou uma motocicleta. Confira abaixo as principais características destes veículos que podem ser usados no transporte individual ou ferramenta de trabalho. Escolha a sua primeira moto e seja feliz!

Motonetas – Elas são simples de pilotar, robustas e econômicas tanto no consumo de combustível como nas peças de manutenção – como pneus, corrente, lonas de freios itens que se desgastam e devem ser substituídas com o decorrer do tempo ou uso. Outra vantagem da motoneta é a ausência do manete de embreagem, ou seja, o piloto não precisa se preocupar em apertar/soltar a embreagem nas trocas de marchas ou na hora de sair. Outro fator que auxilia na popularidade das motonetas – como a Honda Biz – é o espaço embaixo do banco onde cabe um capacete e outros objetos.

Scooter – É um tipo de veículo que faz sucesso na Europa e na Ásia e, aos poucos, cai no gosto do brasileiro. Entre eles os mais conhecidos são o Honda PCX 150 e o Yamaha NMax 160 que oferecem uma série de itens de conforto, como a facilidade de pilotagem e baixo consumo de combustível. A maioria dos scooters usa câmbio automático que dispensa o manete de embreagem e a troca de marchas. O piloto usa apenas a mão direita (para acelerar e pressionar o freio da frente) e a mão esquerda (para pressionar o freio traseiro). Muito espaço debaixo do banco e porta objetos além da proteção para os pés – em caso de chuva, garantem conforto aos donos de scooter.

Motocicleta – Aqui temos a maioria dos veículos de duas rodas oferecidos no Brasil. Desde os modelos mais simples – como a Honda CG 160 Start – veículo mais vendido do País – e Yamaha Factor/Fazer 150 – elas oferecem robustez, conforto e segurança para qualquer tipo de uso, longas viagens e uso diário no trabalho por exemplo. Todas têm em comum o uso do manete da embreagem. Obrigatoriamente, você fez (ou fará aulas) práticas com uma motocicleta, por isso sugerimos ir até uma concessionária para conhecer de perto o scooter e a motoneta antes de decidir a compra.

Texto: Cícero Lima – TCM



Fonte: R7