Mitsubishi ASX sai de linha no Brasil, mas Outlander Sport segue

0
29


O ano de 2021 está chegando ao fim, com isso, muitas montadoras estão aposentando alguns de seus carros. Alguns porque já cumpriram o tempo de mercado que precisavam cumprir. Outros por conta do Proconve 7 que entrará no próximo ano. Sem explicar exatamente qual é o caso, a Mitsubishi tirou o ASX de linha no Brasil.

Esse movimento era esperado, visto que o Outlander Sport, lançado em julho do ano passado, nada mais era que o ASX com uma frente pesadamente modificada. Com o fim de linha do Mitsubishi ASX no Brasil, o SUV compacto encerra sua carreira de 11 anos no nosso país sem mudar de geração.

Sua trajetória começou em 2010, quando ele foi lançado no Brasil para servir de alternativa mais urbana ao Pajero TR4. O SUV compacto vinha do Japão, mas três anos depois a Mitsubishi passou a produzi-lo no Brasil. Mudanças foram feitas no visual, mas também em amortecedores e molas para adaptá-lo melhor às nossas condições de rodagem.

Mitsubishi ASX [divulgação]

A segunda reestilização aconteceu em 2017, com grade frontal em X e a perda do visual de Lancer SUV. A terceira, e última mudança visual, aconteceu em 2019 com mudanças sutis. Desde seu lançamento em 2010 até sua morte em 2021, o ASX nunca mudou faróis e lanternas. Isso só aconteceu em 2020 quando ele mudou de nome para Outlander Sport.

Como era?

Antes de sair de linha, o ASX era vendido somente na versão de entrada GLS por R$ 139.990. Ele servia como alternativa mais barata ao Outlander Sport, que conta com duas versões HPE: com tração dianteira por R$ 164.990 e com tração integral por R$ 171.990.

Mitsubishi ASX [divulgação]

ASX e Outlander Sport sempre foram servidos pelo motor 2.0 quatro cilindros flex de 170 cv e 23 kgfm de torque. O primeiro modelo contou com transmissão manual em seus primeiros anos, mas sempre foi mais comum avistá-lo com caixa CVT, que era a única opção nos anos mais recentes.

Ao todo, o Mitsubishi ASX vendeu 73.911 unidades no Brasil, segundo dados da Fenabrave. Os dados de 2021 não aparecem na relação de vendas pois o SUV teve comercialização baixa. Ele ficou abaixo do Land Rover Evoque, o 40° SUV mais vendido do Brasil em 2021 com 919 unidades emplacadas até outubro.

>>A partir de 2026 todo Mitsubishi será um Nissan com logo do diamante

>>Mitsubishi Pajero Full ganha versão Legend de despedida por R$ 356.990

>>Mitsubishi lança nova L200 Savana 2022 baseada na velha Triton



Fonte: Revista Carro