mais cara que Maverick e Toro

0
25


Ainda que a Hyundai tenha sido a primeira a revelar sua interpretação da Fiat Toro na forma da Santa Cruz, coube à Ford Maverick ditar os preços nos EUA. Só agora, alguns meses depois da revelação da picape sul-coreana é que a Hyundai divulgou a tabela de preços do modelo e o resultado surpreendeu.

Por enquanto, a Hyundai Santa Cruz será vendida somente nos EUA. Por lá, a picape contará com oito versões ao todo, sendo três delas com tração dianteira e cinco com tração integral.

A Hyundai resolveu não divulgar os números específicos do motor 2.5 quatro cilindros em versão aspirada ou turbo da Santa Cruz. Uma estratégia que até agora não entendemos o motivo por trás.

Mas a marca diz que a picape tem mais de 279 cv e mais de 42,9 kgfm de torque nas versões turbinadas. Já as aspiradas contam com mais de 190 cv e mais de 24,8 kgfm. A transmissão é sempre automatizada de dupla embreagem com oito marchas, independentemente da versão.

Hyundai Santa Cruz [divulgação]
Hyundai Santa Cruz [divulgação]

Preços e versões

A picape mais barata da Hyundai será a versão SE de US$ 23.990 (R$ 123.723) com motor aspirado ou US$ 25.490 (R$ 131.431) com motor turbo. De série, essa versão tem chave presencial, rodas de 18”, central multimídia com Android Auto e Apple CarPlay, assistente de lux alta e manutenção em faixa.

Tudo isso contra US$ 19.995 (R$ 103.058) da Ford Maverick XL com motor 2.5 híbrido e câm,bio CVT.  No Brasil, a Fiat Toro mais barata é a Endurance 1.8 flex com transmissão automática que não sai por menos de R$ 117.990.

Hyundai Santa Cruz [divulgação]
Hyundai Santa Cruz [divulgação]

Subindo para a versão SEL (mais uma com nomenclatura da Ford), a Santa Cruz custa US$ 27.190 (R$ 140.175). Com motor turbo, os valores sobem para US$ 28.690 (R$ 147.931). Ela ganha alerta de ponto cego, assistente de tráfego cruzado, retrovisores com aquecimento, partida remota e banco dianteiro com ajuste elétrico.

Na SEL Activity aspirada de US$ 30.460 (R$ 156.939) e na turbo de US$ 31.960 (R$ 164.792), a picape traz teto solar, capota marítima, janela traseira deslizante, luzes de LED na caçamba, painel de instrumentos totalmente digital e carregador de celular por indução.

Hyundai Santa Cruz [divulgação]
Hyundai Santa Cruz [divulgação]

Para a Santa Cruz Premium, a Hyundai reservou faróis full-LED, chave digital (abertura pelo celular), retrovisor eletrocrômico, ar-condicionado de duas zonas e volante revestido em couro. O preço é de US$ 35.680 (R$ 183.834) e ela só é oferecida com motor turbo.

O topo da gama Hyundai Santa Cruz é representado pela versão Limited de US$ 37.720 (R$ 194.344). Ela ganha rodas de 20”, luzes abiente, ar-condicionado traseiro, sistema de som Bose, central multimídia maior com sistema de reconhecimento de voz, bancos com aquecimento e ventilação, além de revestimento em couro, volante aquecido e piloto automático adaptativo.

Hyundai Santa Cruz [divulgação]
Hyundai Santa Cruz [divulgação]

Lá nos EUA, a Ford Maverick mais cara é a Lariat 2.0 turbo com pacote Luxury e tração 4×4 de US$ 34.815 (R$ 179.377). Já no Brasil, a Fiat Toro topo de linha é a Ultra 2.0 turbo diesel de R$ 189.990.

>>RAM terá sua própria Fiat Toro 100% elétrica

>>Fiat Toro turbo flex 2022 não é rainha à toa, mas segue bebum | Avaliação

>>Nova Chevrolet Montana é o nome oficial da rival de Toro e Maverick



Fonte: Revista Carro