Jeep Commander chamará Meridian fora do Brasil e será híbrido diesel

0
32


Desenvolvido totalmente no Brasil, o Jeep Commander romperá as barreiras nacionais muito em breve. A divisão indiana da marca de SUVs também produzirá o modelo de sete lugares por lá. Mas haverá uma importante mudança: ele não se chamará Commander, mas sim Jeep Meridian. Além disso, será eletrificado.

A Jeep precisou mudar o nome do irmão maior do Compass por causa da Mahindra. A marca indiana por anos produziu uma versão adaptada do Wrangler e o chamava de Mahindra Jeep Commander. Por conta disso, o novo SUV adotará o nome Meridian por lá. A Jeep tradicionalmente sempre usa nomes antigos em seus modelos, mas Meridian é inédito.

Híbrido diesel

Além da mudança de batismo, o Jeep Commander indiano terá novidades debaixo do capô. O motor 2.0 MultiJet II quatro cilindros turbo diesel será parcialmente eletrificado. Ele receberá sistema micro-híbrido que substitui o alternador por um pequeno motor elétrico. A artimanha tecnológica permitirá menor consumo de combustível e de emissões.

Jeep Commander [divulgação]
Jeep Commander [divulgação]

O Jeep Meridian diesel, que será lançado em meados de 2022, poderá rodar alguns quilômetros com motor desligado em situações de velocidade de cruzeiro. Além disso, poderá desativar o motor em paradas em sinais antes que a velocidade chegue a 0 km/h.

Além do motor diesel eletrificado, o Commander indiano terá o mesmo 1.3 GSE quatro cilindros turbo de 185 cv e 27,5 kgfm de torque. O motor diesel é pareado à transmissão automática de nove marchas, enquanto o 1.3 turbo a gasolina usa caixa de seis marchas.

Jeep Commander [divulgação]
Jeep Commander [divulgação]

Ao contrário do que acontece no Brasil, a Jeep oferecerá ao Meridian versões diesel 4×2 e turbo gasolina 4×4. No nosso país, por conta da legislação, as versões diesel precisam ter 4×4 com reduzida. Já os modelos flex não tem tanta demanda para uma versão com tração nas quatro rodas.

>>Commander muda visual dias depois da estreia do modelo nacional

>>Commander só prova que a Jeep foi lá e fez de novo | Impressões

>>Commander chega ao Brasil com sete lugares por R$ 199.990



Fonte: Revista Carro