Honda para produção de HR-V e WR-V, já Accord e CR-V são suspensos

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Prestes a ganhar uma nova geração, flagrada pela primeira vez no Brasil pelo Auto+, o Honda HR-V teve sua produção encerrada no Brasil oficialmente. Junto a ele, a marca japonesa levou o WR-V para a fila do INSS. Do lado dos importados, Accord e CR-V tem vendas temporariamente suspensas.

“As atuais gerações de WR-V e HR-V seguem em produção na fábrica de Itirapina (SP), exclusivamente para exportação. Considerando os impactos da pandemia na indústria automotiva e a entrada em vigor das novas regras de emissões, no primeiro semestre de 2022, a Honda concentrará seus esforços na produção e venda dos recém-apresentados New City sedã e Hatchback”, afirma a marca japonesa em seu comunicado oficial.

O HR-V será produzido em sua nova geração em Itirapina, onde o novo City já é feito e que compartilha plataforma com o SUV. Já o WR-V se tornará um produto exclusivo da Índia. Ele deve ser substituído futuramente pelo global ZR-V, que será o novo SUV compacto de entrada da marca em âmbito global. A base será a mesma de City e HR-V.

Honda WR-V [Auto+ / João Brigato]
Honda WR-V [Auto+ / João Brigato]

Entre os importados, a Honda interrompeu momentaneamente a importação do sedã híbrido Accord e do SUV médio CR-V. Os dois seguem no portfólio da marca, ou seja, não saíram de linha. Contudo, suas vendas dependem apenas dos estoques já presentes nas revendas da Honda, já que um novo lote não está programado ainda para chegar.

“Existem outros mercados prioritários para a marca nesses segmentos. O Brasil segue com sua importância, mas existe uma fila de prioridades e, por conta disso, não há importação nesse momento. Mas eles seguem no portfólio Honda, só estão indisponíveis no momento”, revelou ao Auto+ um porta-voz da marca japonesa.

A situação do Accord deve se manter estável, visto que ele ainda é um lançamento recente no Brasil e lá fora. Além disso, faz parte dos planos de eletrificação da Honda, sendo um importante modelo de imagem. Já o CR-V pode não voltar em um novo lote, visto que a nova geração deve ser apresentada ainda neste ano.

>>Nova geração do Honda HR-V com cara de Ford é revelada

>>Honda New City 2022 é o novo Civic? | Impressões

>>Como ficará a Honda em 2022 sem Fit, Civic e WR-V?



Fonte: Revista Carro