Honda HR-V elétrico é lançado em duas versões com nomes esquisitos –

0
17


A atual terceira geração do Honda HR-V evoluiu, cresceu, mudou de categoria e agora terá versão elétrica. Na China o modelo que é ainda vendido no Brasil teve versão elétrica, mas agora a nova geração terá ambições globais, justamente começando pelo país mais populoso do mundo.

Contudo, a Honda não sossegou em lançar uma versão elétrica do HR-V: ela resolveu lançar dois modelos totalmente idênticos. Isso se deu por conta das duas sócias da marca por lá, a Dongfeng Honda e a GAC Honda. É por causa delas, por exemplo, que existe o Civic e o Integra sendo vendidos ao mesmo tempo.

O Honda HR-V elétrico foi lançado como e:NP1 e e:NS1. O nome faz parte da nova linha de elétricos da Honda e:N. Essas novas variantes elétricas do SUV foram apresentadas juntas dos conceitos da linha e:Will Rock You. São três protótipos que antecipam um SUV, um sedã esportivo e um sedã tradicional, todos elétricos.

Honda HR-V elétrico
Honda e:NP1 [divulgação]

Mais potente que o HR-V Touring

Enquanto o trio não vira realidade ainda, os novos e:NP1 e e:NS1 trazem também duas opções de potência: 182 cv ou 201 cv. É potencia substancialmente mais alta que os 173 cv fornecidos pelo motor 1.5 turbo do Honda HR-V Touring, um dos SUVs mais potentes à venda no Brasil hoje. O torque, entretanto, não foi revelado pela Honda.

A marca diz que o HR-V elétrico poderá rodar mais de 500 km com uma carga completa, mas sem especificai as conduções pelas quais esses carros rodam. Há modificações na suspensão e no sistema de direção do SUV da Honda para lidar melhor com o peso extra e com o centro de gravidade alterado por conta das baterias.

Honda e:NS1 [divulgação]
Honda e:NS1 [divulgação]

Na parte visual, o HR-V elétrico se diferencia dos modelos regulares por conta da grade frontal totalmente fechada. O logotipo da Honda é iluminado e há rodas de liga-leve diferentes para o e:NP1 e para o e:NS1. Na traseira, as lanternas tem acabamento diferenciado e o H da marca é substituído pelo escrito Honda logo abaixo das lanternas.

>>Civic mais potente do mundo já está pronto para o lançamento

>>Honda Integra 2022, o Civic requentado, é lançado na China

>>Civic Hatch 2022 chega até a R$ 160.813, mas longe do Brasil



Fonte: Revista Carro