GM festeja 96 anos de fábricas no Brasil: veja modelos clássicos

0
40


GM festeja 96 anos de fábricas no Brasil: veja modelos clássicos

Marca produz no país há 96 anos e tem fãs de clássicos como Opala, Chevette, Veraneio e Omega. Por Felipe Salomão

No período entre 2014 e 2019 a marca investiu R$ 13 bilhões

Há 96 por aqui, a GM atinge a marca de 17 milhões de carros produzidos no país. A marca possui três linhas de produção: São Caetano do Sul (SP) e São José dos Campos (SP) e Gravataí (RS). Além disso, o Brasil é o segundo maior mercado da empresa no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. Somente em 2020, foram emplacadas 338 mil unidades no mercado brasileiro. A marca que tem modelos marcantes no portfólio como o Opala, Veraneio, Chevette, Corsa, Omega entre outros sempre vistos nos eventos AutoShow.

POR QUE O ONIX É O CARRO MAIS VENDIDO DO BRASIL? Veja o vídeo!

Nos últimos anos a Chevrolet tem feito diversos investimentos. No período entre 2014 e 2019 a marca investiu R$ 13 bilhões. Com isso, foi possível atualizar e ampliar as fábricas, produzir motores de três cilindros turbo e aspirado, instalar Wi-Fi dentro dos carros e, também, desenvolver a indústria 4.0 com realidade virtual, rebocadores autônomos, pintura sem utilização de água, robôs atualizados remotamente e produção automatizada.

GM já fabricou caminhões, ônibus, carrocerias, peças e até geladeiras para a marca Frigidaire

Além disso, a empresa já planeja um novo ciclo de investimentos. A marca deve investir R$ 10 bilhões nas fábricas de São Caetano do Sul e São José dos Campos. O novo aporte financeiro deve trazer veículos inéditos ao país, além de ampliar a oferta de equipamentos de conectividade.

ONIX PLUS MIDNIGHT VALE R$ 81,3 mil? Melhor que HB20S e Virtus TSi? Veja o review. Veja o vídeo!

Vale dizer que é em Gravataí que a marca produz o Onix e Onix Plus, que são os líderes do mercado automotivo nacional. São necessários menos de 22 dias para produzir 25 mil unidades dos modelos. A capacidade de produção da marca no Brasil é de 740 mil unidades por ano.

Em solo brasileiro, a GM já fabricou caminhões, ônibus, carrocerias, peças e até geladeiras para a marca Frigidaire. Atualmente, a fábrica de São Caetano do Sul produz cinco modelos diferentes na mesma linha de montagem.

Capacidade de produção da marca no Brasil é de 740 mil unidades por ano

Alguns clássicos da marca definitivamente são cultuados por fãs em todo o pais.

É o caso do Opala, primeiro automóvel da GM produzido aqui entre 1968 e 1992. Com motor seis e quatro cilindros teve versões marcantes como o esportivo SS, a perua Caravan e o Diplomata.

Kadett é outro modelo clássico da linha GM

O Chevette também foi oferecido no país entre 1974 e 1994 com motores 1.4, 1.6 e até 1.0 na versão Júnior dos anos 1990. Se destacava pelo projeto moderno e baixo consumo de combustível.

Chevette também foi oferecido no país entre 1974 e 1994

A perua Veraneio era o carro das famílias desde o fim dos anos 1960 e foi a melhor opção do segmento por muitos anos. Chegou a ser usada até nas forças policiais e ganhou homenagem na música “Veraneio Vascaína” na letra da banda Capital Inicial.

Corsa chegou por aqui em 1994

O Corsa chegou por aqui em 1994 e renovou o portfólio da GM. Teve inúmeras versões e duas gerações considerando e modelos hatch, sedã e perua (Corsa Wagon).

O Omega desembarcou no país em 1992 na sua primeira geração e mudou o patamar dos modelos de luxo da época. Foi produzido até 1998 quando foi substituído por um modelo importado.

Omega foi produzido até 1998

O Kadett é outro modelo clássico da linha GM que era símbolo de carro moderno. Estreou em 1989 e teve versões interessantes como GSI nas variantes hatch e um belo conversível que era finalizado na Itália e vendido no Brasil.

O Chevrolet Monza era o carro da classe média que marcou os anos 1980. Projeto mundial derivado do Opel Ascona se destacava pela potência e conforto que viraram referência diante dos concorrentes.

Procura um modelo da Chevrolet? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC





Fonte: R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui