Ford Maverick chega ao Brasil em 2022 para brigar com a Fiat Toro

0
36


Ao mesmo tempo em que tirou de linha o Edge ST, a Ford já tem como certa a vinda da picape Maverick ao Brasil. O novo presidente da marca para o Brasil e América Latina, Daniel Justo, revelou que a Ford Maverick será vendida no Brasil em 2022.

Ainda não está cravada a data certa para a estreia da rival da Fiat Toro em nosso território, mas a sua chegada agora é oficial. A alta demanda nos EUA, onde ela já tem mais de 100 mil reservas, dez com que seu lançamento fosse postergado para o próximo ano.

Além disso, a fabricação das primeiras unidades da nova Ford Maverick no México, único país a produzi-la por enquanto, atrasou por conta da crise dos semicondutores. Com isso, a fábrica só iniciou suas operações para a picape agora no começo de agosto.

Ford Maverick FX4 [divulgação]
Ford Maverick FX4 [divulgação]

Qual Maverick vem para o Brasil?

O que ainda não se sabe é quais as versões da Ford Maverick serão importadas para o Brasil. A marca registrou o nome Maverick FX4 para o Brasil. Esse sobrenome é um pacote off-road oferecido às versões XLT e Lariat com motor 2.0 turbo, o mesmo do Bronco Sport.

É possível que a Ford siga a mesma estratégia de Bronco Sport e Territory com a Maverick. Ou seja, oferecer somente a versão topo de linha no Brasil. Isso, entretanto, poderia acarretar em dois problemas: invadir o preço da Ranger e não conseguir concorrer com versões flex da Fiat Toro.

Ford Maverick FX4 [divulgação]
Ford Maverick FX4 [divulgação]

Atualmente nos EUA a Ford Maverick é vendida nas versões XL, XLT e Lariat. As opções de motores são 2.0 quatro cilindros turbo a gasolina com 253 cv e 38,3 kgfm de torque – é o mesmo motor do Bronco Sport, mas com leves mudanças em potência e torque. O câmbio é automático de dez marchas.

Já as versões de entrada usam o conjunto híbrido 2.5 quatro cilindros aspirado a gasolina com 193 cv combinados e média de 17 km/l. A transmissão é do tipo CVT. Caso a Ford opte pela versão híbrida, teria um diferencial gigante no mercado, sendo a única picape híbrida à venda no Brasil. Resta esperar até 2022 para ver.

>>Fiat Toro turbo bebe tanto quanto a antiga 1.8? – Vídeo

>>Maverick Hybrid não fica no pátio para Ford empurrar versão mais cara

>>Ford EcoSport aparece na Índia com um face-lift de gosto duvidoso

Ford



Fonte: Revista Carro