Estado de São Paulo reduz em 32% o número de mortes em acidentes de trânsito – MinutoMotor

0
53


Mesmo nesse turbilhão de notícias negativas envolvendo a pandemia, há sempre um fio de esperança. Em 10 anos, o Estado de São Paulo registrou uma queda de 32% nos óbitos em acidentes de trânsito, mesmo com o crescimento de 50% de sua frota de veículos. O resultado é de 2.372 vidas salvas desde 2010, segundo dados do Infosiga, gerenciado pelo programa Respeito à Vida e Detran.SP. Desse número, 55% referem-se às ocorrências nos municípios e 45% nas rodovias. Já a queda nas fatalidades a nível nacional foi de 22%.

O índice de redução paulista é próximo da meta de 50% estabelecida pela Organização das Nações Unidas, na chamada Década da ONU. A entidade realiza entre os dias 6 e 12 de maio a 6ª Semana Mundial sobre Segurança no Trânsito. Foi em maio que a ONU decretou a Década de Ação para salvar vidas no trânsito. Com isso, o balanço das ações sempre é realizado em maio no mundo todo e tem como objetivo diminuir os riscos de acidentes por meio de ações baseadas em evidências científicas.

De acordo com o Infosiga SP, que publica mensalmente estatísticas sobre acidentes com vítimas de trânsito nos 645 municípios do Estado, 94% dos acidentes fatais envolvem falha humana. “Os dados de São Paulo, por meio do Infosiga, possibilitam ações mais assertivas na promoção de políticas públicas de redução de acidentes. Uma postura cidadã e preventiva é fundamental para um trânsito mais humano e seguro. A mudança de comportamento é um elemento chave”, afirma o diretor-presidente do Detran.SP, Ernesto Mascellani Neto.

Detalhe: a base de dados do Infosiga é a primeira a ser entregue 100% ao Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) para integrar o Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito, o Renaest.



Fonte: R7