Citroën fabrica mais 1.000 exemplares

A Citroen anunciou que o My Ami Buggy sem portas estará disponível em breve. O veículo era apenas um conceito, mas a reação foi tão positiva que a Citroen decidiu construir outra tiragem.

Esse modelo caiu tão bem que uma nova tiragem de 1.000 unidades foi anunciada para o Reino Unido, França, Itália, Espanha, Bélgica, Grécia, Portugal, Marrocos e Turquia.

O que falar do My Ami Buggy?

Veja mais: Mitsubishi Xpander: motor, interior e equipamentos

O novo modelo receberá algumas alterações em relação à edição especial anterior de 50 unidades. Por exemplo, desta vez haverá tampas de porta transparentes para oferecer um pouco de proteção contra chuva, enquanto o teto com zíper é aparentemente mais fácil de usar e à prova d’água.

Alimentando o Citroen está um pequeno motor elétrico que suga elétrons de uma bateria de 5,4 kWh. O motor gera oito cv (8 ps/6 kW), portanto você não quebrará nenhum recorde de velocidade no quadriciclo da empresa francesa. 

Carregar a bateria leva quatro horas, de acordo com o fabricante do carro, e com tudo carregado, o veículo tem uma autonomia total de 75 quilômetros. A velocidade máxima do My Ami Buggy é de 45 km/h, então agora você sabe que não pode se aventurar na estrada com ele.

O My Ami Buggy II também terá uma pequena bolsa com zíper removível montada no volante, além de um alto-falante Bluetooth leve e removível chamado ‘Ultimate Ears Boom’.

Quanto custa?

Felizmente, o esquema de cores cáqui permanece com flashes de ‘amarelo ácido’, e ainda há rodas de aço dourado e aquelas importantes portas tubulares. O que deixa a edição menos “estranha”.

Além da carinha de popular, essa poderia não ter tanto apelo no nosso mercado. Aparentemente, o My Ami Buggy custará incríveis R$ 65 mil para compradores de alguns países, e aqueles que fizerem o pedido primeiro devem receber seus carros (ou mais especificamente, seus quadriciclos) em setembro deste ano.

Fonte: Portal R7