Chery QQ vai voltar. Mas não exatamente como os brasileiros conheceram

0
508


A Chery prepara o terreno para o retorno do QQ ao mercado. Mas não será exatamente como antes. Nascido como uma cópia do Daewoo Matiz, o modelo voltará 100% elétrico e ainda menor. A ideia da marca chinesa é bater de frente com o Wuling Mini EV da General Motors.

Nos últimos tempos, o Wuling tem se tornado um dos carros mais vendidos da China, sendo o elétrico mais comercializado do país. A Chery não quer perder tempo e terá o elétrico QQ Ice Cream lançado em breve. A abordagem mudará a fim de atrair um público ainda mais jovem.

Sai de cena a carroceria de subcompacto com quatro portas e visual redondo. Entra um formato caixote de minicarro com linhas retas que maximizam o espaço interno o tanto quanto possível. A única lembrança do QQ original fica por conta os elementos redondos nas lanternas e faróis.

Chery QQ Ice Cream [divulgação]
Chery QQ Ice Cream [divulgação]

A grade frontal fechada conecta os faróis e traz o logo da Chery bem no bocal de abastecimento. A mesma textura é usada na traseira para conectar as lanternas. O vidro traseiro será grande e terá bordas em preto para parecer ainda maior do que de fato é. Mas a tampa do porta-malas não se estenderá para além da metade do novo Chery QQ.

O modelo será vendido com cores inspiradas em sabores de sorvetes. A Chery divulgou que ele terá tons branco, verde, azul, roxo, rosa e amarelo. Ainda não foram reveladas as especificações mecânicas do novo Chery QQ, sendo somente revelado que ele será um carro 100% elétrico. Nem mesmo medidas ainda foram divulgadas ou data de lançamento.

>>Divisão de luxo da CAOA Chery prepara SUV que faz 100 km/l

>>Chery não vai mais vender carros nos EUA e importadora vai a falência

>>CAOA Chery Tiggo 3X não é um Tiggo 2 requentado | Impressões



Fonte: Revista Carro