Azul é a cor mais quente para o mercado automotivo

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp


Foto: Divulgação

Cores acromáticas, como o branco, preto, cinza e prata ainda são as mais populares utilizadas nas produções de veículos leves.

No entanto, nos últimos anos, essa preferência vem sendo ligeiramente ameaçada pelo azul, que está impulsionando a tendência entre as cores cromáticas principalmente na Europa e Ásia, segundo o Relatório de Cores para Tintas Automotivas OEM 2021 (Basf Color Report for Automotive OEM Coatings), realizado pela Divisão de Tintas da Basf.

+ CES 2022: BMW apresenta tecnologia que muda cor de carro; assista
+ Pesquisa revela a cor de carros seminovos mais valorizada em 2021; veja
+ Porsche retoma cores históricas; lista inclui mais 160 opções

O vermelho, por sua vez, também ganhou representatividade no último ano e tirou um pouco mais de participação de mercado das cores acromáticas em várias partes do mundo.

No estudo, também surgem outras cores como o verde e o bege, que não são tonalidades tão comuns no nosso dia a dia.

América do Sul

Na América do Sul, por exemplo, o percentual de carros na cor azul cresceu 3 pontos percentuais em 2021, impulsionado por lançamentos utilizando esta cor.

“O azul tem realmente se tornado uma tendência na América do Sul, como previsto pelos designers da Basf anos atrás e, a cada dia, mais consumidores estão optando por esta família de cores quando compram seus novos veículos. A indústria tem usado, inclusive, efeitos e pigmentos belíssimos, especialmente metálicos, que ajudam ainda mais a transformar essa cor em um sucesso por aqui”, afirma Marcos Fernandes, diretor da Divisão de Tintas da Basf, América do Sul, em nota divulgada.

Crise global de chips

Um fator que auxiliou a expansão de cores cromáticas foi a redução de produção de automóveis no mundo todo em 2021, devido a crise de chips. Desta forma, algumas cores ganharam espaço frente a outras clássicas, explica a Basf.

Cores cromáticas em alta

Europa, Oriente Médio e África (EMEA) apresentam maior diversidade de cores e tonalidades cromáticas. A proporção de cores cromáticas é superior a 27%, e está aumentando – a maior em duas décadas.

O azul está impulsionando a tendência entre os cromáticos. Existem atualmente cerca de 180 tons de azul – desde o azul celeste até o azul meia-noite. O vermelho está em segundo lugar, muito atrás do azul, acompanhado de diversos tons de verde.

Para as cores acromáticas, o branco ainda está no topo, mas o cinza está se aproximando. O cinza tem várias opções, com efeitos e texturas, em mais de 160 tons.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Rodízio de SP segue suspenso em janeiro; veja quando volta
+ IPVA SP 2022: pagamento à vista começa a vencer nesta segunda (10)
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ IPVA 2022: confira as tabelas do imposto de todos os Estados
+ CNH vencida: veja o grupo que precisa renovar o documento em janeiro
+ Quem está isento de pagar o IPVA 2022 em SP? Veja a lista
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Motoristas americanos deixam porta-malas abertos; entenda
+ IPVA 2022: Minas Gerais congela valor do imposto
+ Cadillac de Elvis Presley está sendo leiloado; confira





Fonte: Motor Show